Ouça agora na Rádio

Ouça agora

Politec deixa corpo por 05 horas na MT 419

Postado em 3 de abril de 2022 por

Compartilhar agora.

Os familiares tiveram que esperar aproximadamente 5 horas para retirar o o corpo da jovem Maria Rita de Francheski Pedro de 21 anos da MT-419. A longa espera tem relação com a ineficiência por parte do Estado de Mato Grosso pela falta de servidores da POLITEC para atender acidentes e outros casos que exigem peritos.

O acidente ocorreu perto das 18 horas e os peritos chegaram no local as 22 horas e somente às 23 horas o corpo foi retirado do local. Os agentes da POLITEC de Guarantã do Norte, por sua vez, trabalham até as 18h, depois deste horário assume a unidade plantonista, que ontem era a unidade da cidade de Sinop.

Em conversa com um dos peritos da POLITEC de Guarantã do Norte, ele explicou. “Em Guarantã do Norte a dois peritos, estes dois peritos realizam plantões de até 16 dias por mês em 7 cidades do Norte de Mato Grosso, quando não há plantões por parte deles a equipe da cidade de Sinop cobre toda essa região, ontem infelizmente não estávamos de plantão e a POLITEC de Sinop teve que vir atender a ocorrência”.

Este fato viola claramente o “Princípio da Dignidade da Pessoa Humana”, garantido no artigo 5° da Constituição Federal de 1988. O princípio da dignidade da pessoa humana é um conceito filosófico e abstrato que determina o valor inerente da moralidade, espiritualidade e honra de todo o ser humano.

Hits: 16

Deixe um comentario

Estamos felizes por você ter optado por deixar um comentário. Lembre-se de que os comentários são moderados de acordo com nossa política de comentários.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.