Ouça agora na Rádio

Ouça agora

Alta Floresta: filho de patrão é preso por abuso sexual no trabalho ao tentar beijar funcionária em fábrica de móveis

Postado em 31 de dezembro de 2020 por

Compartilhar agora.

Na manhã de ontem terça-feira (29), uma jovem de 19 anos denunciou o filho do patrão, dono de uma fábrica de móveis de Alta Floresta, por importunação sexual, crime que caracteriza uma das formas de abuso sexual. O homem de 33 anos é filho do proprietário do estabelecimento, onde a vítima tinha começado a trabalhar há apenas 2 meses. 

Segundo relato da jovem à polícia, ela estava no escritório tirando etiquetas para colocar nos móveis quando o filho do patrão lhe agarrou e tentou beijá-la a força. A vítima disse que imediatamente empurrou o suspeito e saiu correndo do escritório e foi contar o fato para sua mãe, que também trabalha na mesma fábrica. Após contar o ocorrido, mãe e filha foram conversar com o patrão, pai do suspeito, que ao saber do fato disse que aquilo era normal acontecer, sendo culpa da vítima “por ficar dando corda para o filho dele”. 

A vítima ainda relatou que já presenciou o patrão apalpar as nádegas de outra funcionária dentro da empresa. 

O fato foi comunicado a Polícia Civil, e após o registro do boletim de ocorrência o suspeito foi preso em flagrante. 

O homem negou os fatos aos policiais, mas disse que teria apenas passado as mãos no cabelo da jovem, pois segundo ele “gosta de cabelos com cachinhos”. 

O suspeito foi autuado pelo crime previsto no art. 215-A do Código Penal (Importunação Sexual)

Hits: 38

Deixe um comentario

Estamos felizes por você ter optado por deixar um comentário. Lembre-se de que os comentários são moderados de acordo com nossa política de comentários.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.